terça-feira, 14 de abril de 2009

Cidade dos meus reflexos



Por Lisboa, a vida passa lá fora, alheios aos outros, absortos na cidade....

1 comentário:

Anónimo disse...

Que força... brutal retrato. Magnetizante e intensa !