quinta-feira, 14 de maio de 2009

It Sounds Like Lisbon


E nas cordas de uma guitarra
Em sonhos de uma qualquer varina
Senhora de garra
Assim se embala uma menina.

Sob o castelo encantado
Descansa tamanha beleza
Espera que o herói aguardado
Te venha resgatar ó princesa


Mas tu namoras o Tejo em segredo
Derretes-te sem pudor com Alfama
Sempre sem receio ou medo
Próprio de quem ama


Marcos Sobral 2009

segunda-feira, 4 de maio de 2009

Era uma vez em Lisboa


Janelas com cheiro a alfazema que se debruçam sobre o Tejo vadio.
Porque não têm medo da fama de Alfama mal afamada.